Reconhecimento Mundial

Como é descrita pela Câmara Legislativa dos Estados Unidos, "os quiropraxistas são profissionais da área da saúde de primeiro contato (ou seja,o paciente não  precisa ser encaminhado a um quiropraxista por um médico), que possuem habilidades diagnósticas para tratar condições do sistema neuro-músculo-esquelético e para poder diferenciar aqueles que exigem encaminhamento a tratamento conjunto. Proporcionam tratamento conservador baseado em manipulações e ajustamentos articulares, associados a outras modalidades para prevenir doenças e promover a saúde, através de uma educação adequada, exercícios e modificação no estilo de vida, entre outros".
Reconhecida pela Organização Mundial de Saúde (OMS) como medicina complementar, a Quiropraxia está hoje entre as três maiores profissões na área da saúde do mundo ocindental, junto com Medicina e Odontologia, sendo regulamentada em mais de 50 países, incluindo Estados Unidos (60 mil profissionais), Canadá, a maior parte da Europa, Austrália, Nova Zelândia, Japão, México, Panamá, Bolívia e vários países da África.
Mais de 2.000.000 de pessoas em todo o mundo recebem os benefícios da Quiropraxia todos os dias, com a finalidade de solucionar dores agudas ou crônicas da coluna, evitar cirurgias, melhorar o desempenho esportivo ou simplesmente melhorar a qualidade de vida através da extinção da interferência do sistema nervoso.
No Brasil, a Quiropraxia já conta com dois Cursos de Graduação, um na Universidade Anhembi Morumbi, em São Paulo (SP), e outro na Feevale, em Novo Hamburgo (RS). Com nível universitário, o curso pode durar de 4,5 a 5 anos, com carga horária mínima de 4200 horas. Os alunos frenquentam laboratórios e clínica e passam por exames rigorosos antes de poder praticar propriamente a Quiropraxia.
Pesquisas cientificas importantes no mundo inteiro e também no Brasil tem validado a eficiência da Quiropraxia, que vem sendo foco em diversas matérias e artigos publicados na imprensa geral e especializada.

Fale Conosco